Quarta-feira, 21 de Julho de 2010

Mudar de blog irrita-me profundamente. Não pela mudança em si, mas pelas circunstâncias que levaram a isso.

Eu não queria ter mudado de blog. Pronto, não queria. Já escrevia naquele blog há quatro anos, tantos anos que essa identidade falsa passou a fazer verdadeiramente parte de mim. Habituamo-nos. Ao príncipio, quando criámos um blog, nunca pensamos que vamos ficar tão apegadas a ele como eventualmente acabamos por ficar. Mas o blog vai-se tornando, aos pouqinhos, numa casa, que gerimos à nossa maneira, que embelezamos, para a qual gostamos de convidar aqueles de quem gostamos. E esse, esse é o grande mal.

Porque ter um blog significa ter um depósito de sentimentos. Lá, sentimo-nos livres de escrever tudo aquilo que bem queremos, como queremos, da forma que queremos. E nem sempre, no mundo real, podemos expor a nossa opinião assim. É claro que para isso funcionar, precisamos de privacidade, mas há medida que o blog cresce, que mais pessoas o vão descobrindo, a privacidade diminui. E com ela, acaba a liberdade de escrever.

 

Uma das 4 pessoas que sabiam da existência do meu outro blog descuidou-se. Contou a outra pessoa. Que depois contou a outra pessoa. Que depois foi ver o blog e não gostou, porque um dos textos se referia a ela. E depois essa pessoa contou a toda a gente. E depois... Bem, depois eu desisti.

Não me arrependo do que escrevi - afinal, a minha opinião vale o que vale e não era por ela que o mundo ia acabar. Mas a privacidade estava arruinada, e apesar de custar, um novo blog era eminente.

 

Enfim, começar de novo não é tão mau assim. Acho eu. Só não queria que a decisão de mudar me tivesse sido imposta. Paciência, agora estou aqui, alive and kicking, e vocês vão poder continuar a aturar os meus devaneios patetas.


tags:

publicado por Petit Mimi às 19:27 | link do post | comentar

3 comentários:
De Babs a 21 de Julho de 2010 às 20:19
Olá!!! Ainda bem que reapareceste.
É uma situação chata, realmente. Eu não tenho esse problema porque faço questão de "publicitar" o meu blog na vida real. Todos os meus amigos (e colegas e professores) sabem da existência do meu blog xD Também nunca me apeteceu escrever algo que eles não pudessem ler...


De trustnoone a 21 de Julho de 2010 às 21:37
a boca grande das pessoas é que é inevitável.
vou com certeza seguir o teu novo cantinho, e aposto que será tão ou mais bonito como o outro :)


De Amarelinha a 21 de Julho de 2010 às 21:40
Já lia o outro, uma vez por outra e sem querer vim aqui parar.... vou passar por cá assiduamente.

Bom inicio.



Comentar post

mais sobre mim
arquivos

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010